Revista IBDFAM - Famílias e Sucessões - Edição 40
Nesta edição, Nathália Morais Welter, Sandra Regina Morais Welter e Belmiro Pedro Welter abordam “Monogamia, poliamor, amor líquido: um breve caminhar pelo Direito Constitucional, Direito das Famílias, Psicanálise, Sociologia e Filosofia”; “Nem médico nem juiz: o reconhecimento da autodeterminação quanto à identidade de gênero pelo Supremo Tribunal Federal”, por Gustavo Henrique Velasco Boyadjian, Carlos Henrique Martins da Silva e Flavia do Bonsucesso Teixeira; Maria Luiza Campos da Silva Valente e Thais Tononi Batista analisam “Alienação parental: gênero e construção social na esfera do cuidado”; “A efetividade do direito aos alimentos na pandemia e a pandemia da impenhorabilidade absoluta do auxílio emergencial: breves considerações acerca das resoluções n. 313 e n. 318 do CNJ e da Lei n. 14.010, de 10 de junho de 2020” é o tema de Rafael Miguel Delfino; Carlos Henrique Félix Dantas e Manuel Camelo Ferreira da Silva Netto abordam “Abandono afetivo em razão de discriminação por deficiência: a responsabilidade civil como instrumento de inibição do preconceito na seara familiar”; “Multiparentalidade: uma análise da divisão de direitos e deveres decorrentes da consanguinidade e da socioafetividade”, por Marina Ortega de Paula Lins e Silva e Carlos Augusto Medeiros de Andrade.
 
Em Seção Pareceres, José Fernando Simão analisa “Retroatividade de contrato de união estável”; Maria Berenice Dias aborda “O requisito da publicidade nas uniões homoafetivas”.
 
Ainda nesta edição, decisões inovadoras em Direito das Famílias e Sucessões.
 
Ronner Botelho Editor
Editor